Acessos

Alunos descrevem rotina da quarentena e produzem roteiro de viagem para aula de Espanhol

De acordo com a professora, as expectativas foram superadas e os resultados das atividades surpreendentes.

“Tivemos ótimos resultados. O trabalho permitiu que eles se expressassem e, consequentemente, se esforçassem para transmitir seus sentimentos na língua espanhola com criatividade e muita emoção”, afirma.

Diário pessoal

A primeira atividade constou na produção de um diário pessoal. Gisele conta que a ideia surgiu a partir do módulo da apostila “¿Hogar, dulce hogar?”, que mostra alguns relatos do “Diário de Anne Frank”.

“Eu imaginei que, dada a situação que estamos enfrentando, seria uma atividade que não somente os ajudaria a expressar seus sentimentos, mas também desenvolver a destreza da expressão escrita”, explica.

Para motivar os estudantes, Gisele relatou detalhes de sua experiência ao conhecer o anexo onde Anne Frank ficou em Amsterdam.

“Contei a história em espanhol e mostrei o Diário da Anne Frank que comprei lá. Expliquei como era a casa e o que vi. Também reuni elementos que os ajudasse a criar um vínculo afetivo”, comenta.

O resultado da dedicação da professora não pôde ser melhor. Os estudantes se empenharam e entregaram textos emocionantes e muito criativos.

“A maioria deles disse estar com saudade da rotina antes da pandemia. Talvez tenham se sentido mais identificados com os trechos da apostila onde Anne relatou o que sentia ao estar fechada no anexo. Obviamente, os motivos de ficar em casa são diferentes, mas os sentimentos nesta idade não mudam muito”, ressalta.

Roteiro de viagem

Como amante de viagens e de lecionar a língua espanhola, Gisele reuniu as duas coisas mais importantes para ela nesta atividade. Ela propôs aos alunos, também do 7º ano, a produção de um roteiro de viagem para algum país da América do Sul.

Ela conta que se surpreendeu com alguns roteiros e com as pesquisas sobre os destinos.

“Tivemos trabalhos com roteiro para o Paraguai, Equador, Bolívia, Colômbia, Venezuela, Cuba e não somente os países típicos como Chile, Argentina e Peru. Isso demonstra que eles realmente trataram de buscar a informação”, diz.

Com isso, a professora teve, mais uma vez, suas expectativas superadas e os estudantes, cada vez mais, próximos da cultura hispânica.

“Eles conseguiram se motivar muito, pois foram capazes de imaginar, pensar e planejar uma viagem a um país vizinho, mesmo sem poder sair de casa. Isso demonstra que são positivos e se animam com a ideia de fazer uso da língua espanhola”, finaliza.

Clique aqui para conferir os trabalhos dos alunos.

Postada em 28/03/2023 por Larissa De Souza Thomazelli
Jornalista: Rogéria Gamba - MTB 52.808 / rogeriacg@baraodemaua.br | Nathalia Bovi - MTB: 89.966 / nathalia.pereira@baraodemaua.br
Contato Assessoria de Imprensa: (16) 3968-3890
Notícias
26 maio 2023

No dia 26 de maio, o Ateneu Barão de Mauá completou 57 anos e, para comemorar a data, os alunos do 4º ano C do Ensino Fundamental I fizeram uma apresentação para as demais turmas da escola.

Notícias
29 janeiro 2021

O Encontro Pedagógico do Ateneu Barão de Mauá 2021 teve início no dia 21 de janeiro.

Notícias
29 outubro 2020

A professora de Artes Fabiana Alonso lançou mais um desafio para os alunos dos 6ºs aos 9ºs anos do Ateneu Barão de Mauá. Desta vez, a proposta foi construir avatares que representassem a escola.